Campina 2035: Olimpio prioriza Meio Ambiente, Transportes Públicos, Feira Central, Polo Cerâmico e Acessibilidade para pessoas com deficiência

Campina 2035: Olimpio prioriza Meio Ambiente, Transportes Públicos, Feira Central, Polo Cerâmico e Acessibilidade para pessoas com deficiência

O vereador Olimpio Oliveira comemorou a aprovação, por unanimidade, da sua Emenda ao Projeto de Lei nº 213/2017, que institui o Planejamento Estratégico de Desenvolvimento Campina 2035. A Emenda apresentada por Olimpio contempla cinco prioridades, as quais, segundo o parlamentar, dão ênfase para a visão de futuro sobre temas historicamente defendidos por seu mandato, tais como:

  • A preservação do nosso patrimônio ambiental e sustentabilidade;
  • Transporte acessível e mobilidade sustentável;
  • Revitalização e consolidação da Feira Central como Patrimônio Cultural do Brasil;
  • Consolidação do Polo Cerâmico de Campina Grande;
  • Campina uma cidade linda, inclusiva, acessível e respeitosa.

Segundo Olimpio, a Campina ideal para 2035 é uma cidade em que o cidadão desfrutará de um ambiente sustentável, com a preservação e a conservação permanente do nosso patrimônio ambiental. O parlamentar destaca a importância de projetos e ações para preservar o Açude Velho, o Açude de Bodocongó, o Rio Bodocongó, a Floresta do Louzeiro, o Horto Municipal, a Floresta de São José da Mata, o Riacho das Piabas (e as suas nascentes) e o Parque do Poeta.

Olimpio defende também o aproveitamento da malha ferroviária que cruza a cidade para a implantação do transporte de passageiros sobre trilhos, o qual deverá ser integrado ao sistema de transporte tradicional, inclusive fazendo a captação de subsídios junto ao Governo Federal para o barateamento da tarifa. Além disso, ele defende a implantação de uma malha cicloviária integrada.

A Emenda de Olimpio prioriza a revitalização e consolidação da Feira Central como Patrimônio Cultural do Brasil principal ponto de convergência de comércio popular e regional, preservando seu aspecto histórico, social e cultural, inclusive, na redação original do Projeto a Feira Central não tinha sido citada.

O parlamentar também vislumbra uma nova vocação econômica para Campina, ou seja, a implantação de um vigoroso Polo Cerâmico na região de Catolé de Boa Vista, pois, segundo ele, a recente inauguração da rodovia PB-138 contribui para a atração de indústrias para a região, em virtude dos atrativos, como: A proximidade das jazidas dos minérios que são utilizados majoritariamente na produção cerâmica; a disponibilidade de imensas áreas planas para a instalação de parques industriais, a proximidade do gasoduto, a segurança hídrica com a chegada das águas da transposição, a possibilidade da duplicação da BR 104 e a facilidade para o escoamento da produção para o Porto de Suape em Pernambuco.

Finalmente, Olimpio deseja que Campina se transforme numa referência regional na qualidade de vida para pessoas com deficiência, ou seja, uma cidade plenamente acessível. Ele defende que os projetos e ações contemplem a elevação da qualidade de acessibilidade em todos os recantos da cidade.

***Conteúdo de responsabilidade da Assessoria




Fale Conosco

Para que possamos lhe atender melhor por favor entre com as informações abaixo. Obrigado!

Perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões? Eu adoraria ajudá-lo!

ENTER para enviar