Projeto cria a política de combate aos transtornos alimentares em CG

obesidadeCom a finalidade conscientizar, apoiar, acompanhar e tratar pacientes que apresentem sintomas de distúrbios alimentares, o vereador Bruno Cunha Lima (PSDB) protocolou na Câmara Municipal de Campina Grande um Projeto de Lei Ordinária que institui, na rede de saúde do Município, a Política de Combate aos Transtornos Alimentares. A matéria aguarda votação em plenário, antes de seguir para a sanção do poder executivo.

O projeto abrange transtornos alimentares que são enquadrados pela Classificação Internacional de Doenças (CID), como anorexia, bulimia, hipergrafia, ortorexia, Sintoma de Prader-Willy, Transtorno de Compulsão Alimentar Periódica (TCAP), Transtorno Obsessivo Compulsivo por Alimentos (TPCA); Transtorno de Ruminação; Vigorexia; e Transtorno Alimentar não Especificado.

Conforme a redação do projeto, a Política de Combate aos Transtornos Alimentares pelo Sistema Municipal de Saúde deverá assegurar a implementação de medidas de conscientização, prevenção, profilaxia e acompanhamento terapêutico psicossocial, desenvolvendo ações coordenadas e sistêmicas, através de equipe multidisciplinar de psiquiatra, psicólogo, nutricionista e enfermeiros, entre outras especialidades.

O objetivo do programa é oferecer todos os exames necessários e acompanhamento terapêutico integrado, de acordo com o quadro clínico identificado. “O tema de políticas públicas na prevenção da obesidade é discutido mundialmente. Suas diretrizes mais recentes indicam que essas políticas tenham caráter intersetorial, ou seja, essa não é só uma questão de políticas no setor da saúde, mas também na educação, cultura, comércio e mídia”, comenta Bruno, a respeito da matéria.

qr code“A Política Municipal de Combate aos Transtornos Alimentares, na forma que dispõe o Projeto de Lei que ora propomos, representa um conjunto planejado de ações que garantam o acesso e acompanhamento especializado de pessoas diagnosticadas com quadros específicos”, explica o parlamentar.

 




Fale Conosco

Para que possamos lhe atender melhor por favor entre com as informações abaixo. Obrigado!

Perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões? Eu adoraria ajudá-lo!

ENTER para enviar