Sessão Ordinária discute sobre os problemas de atendimento no Hospital de Trauma

Sessão Ordinária discute sobre os problemas de atendimento no Hospital de Trauma

Sessão Ordinária discute sobre os problemas de atendimento no Hospital de Trauma

Durante a 97ª sessão ordinária realizada na Câmara Municipal de Campina Grande, na manhã dessa quarta-feira (07), os vereadores discutiram sobre os problemas enfrentados pela população campinense com o atendimento precário oferecido pelo Hospital Regional de Emergência e Trauma Dom Luiz Gonzaga Fernandes.

De acordo com o vereador Alexandre do Sindicato, a partir do próximo ano o Hospital de Trauma só atenderá pacientes na área de trauma, emergências pediátricas e clínicas, prejudicando a população que precisa dos demais serviços médicos.

Já o parlamentar Jóia Germano relembrou que o assunto foi trazido para discussão no plenário esse ano e que é preciso que os vereadores cobrem medidas urgentes para resolver a questão. “Nós somos vereadores e fiscais do povo, temos que ver e analisar o trabalho da rede estadual e municipal para pedir e cobrar melhorias.”, disse.

O presidente e vereador Pimentel Filho explicou que o Governo Federal precisa fazer o repasse regular dos insumos da saúde e é necessário que os deputados se unam para cobrar isso. “A maior bancada do Brasil concentra-se no Norte e no Nordeste, é preciso que os parlamentares tomem consciência disso para se unirem em busca de melhorias para essas regiões, para que o Governo Federal olhe igualmente para todo o país.” destacou.

Finalizando a sessão, os vereadores Marinaldo Cardoso e Galego do Leite solicitaram uma audiência pública especial, na próxima legislatura, para convidar os secretários de saúde, senadores, deputados e iniciarem uma discussão sobre a saúde pública no município e o repasse de recursos para manutenção de programas, hospitais e funcionários da saúde.

***Dirp./CMCG




Fale Conosco

Para que possamos lhe atender melhor por favor entre com as informações abaixo. Obrigado!

Perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões? Eu adoraria ajudá-lo!

ENTER para enviar