Vice-presidente solicita a intervenção da Força Nacional para garantir a segurança em Campina Grande

Vice-presidente solicita a intervenção da Força Nacional para garantir a segurança em Campina Grande

O vereador Márcio Melo Rodrigues (PSDC), vice-presidente, apresentou propositura na Câmara Municipal sugerindo que a Casa solicite ao Governo Federal a intervenção imediata da Força Nacional para garantir a segurança em Campina Grande, já que “o Governo do Estado tem se mostrado omisso com relação ao problema e abandonado o Município e o interior do Estado”. Da mesma forma como está acontecendo no Rio de Janeiro com a violência, segundo ele, justifica-se a presença urgente da Força Nacional na Paraíba.

Disse Márcio que, se faz necessária à adoção dessa providência para garantir mais segurança para a população, a preservação dos prédios públicos muitos considerados históricos e as lojas comerciais e as indústrias que estão sendo invadidos por marginais, com arrombamentos, assaltos, roubos e toda a espécie de crime.

Ressalta que as explosões de caixas eletrônicos cresceram vertiginosamente. O Ministério Público acredita que os bandidos estão aprendendo a manejar explosivos com quadrilhas paulistas. Os assaltos com explosões de caixas eletrônicos ganham cada vez mais espaço no mundo da criminalidade.

Explosões

Este ano já foram registrados até o momento 47 casos de violência contra bancos na Paraíba, sendo 33 explosões. No mês de setembro ocorreram explosões de caixas eletrônicos em órgãos públicos de Campina Grande.

No dia 18 de agosto, o caixa eletrônico que fica em frente à Secretaria de Saúde, foi explodido e o prédio destruído. No último dia 5, explodiram dois caixas eletrônicos que ficam dentro do prédio da Prefeitura Municipal no centro da cidade e outro na sede da STTP (Superintendência de Trânsito e Transporte Público).

Comércio

Disse o vereador que, Campina Grande através dos seus comerciantes, comerciários e a população em geral merecem todo o seu reconhecimento pela construção da história da Rainha da Borborema e a sua contribuição ao desenvolvimento da cidade e da Paraíba, que a transformou na “Capital do Trabalho”. Contudo, “agora está sofrendo com a omissão do Governo do Estado que não dá as condições necessárias para que as Polícias contem com o indispensável número de profissionais, estrutura e equipamentos para o combate à criminalidade”.

O parlamentar destaca a importância do trabalho desenvolvido pela Associação Comercial e Empresarial de Campina Grande, fundada em 1926, que é uma entidade que participa ativamente de todos os episódios marcantes da vida do Município e da região por ela polarizada, o mesmo acontecendo com a Câmara de Dirigentes Lojistas de Campina Grande, com o trabalho de diretores e colaboradores, que “também tem sido desrespeitada pelo Governo do Estado, com a omissão deste para a segurança pública”.

Desde a sua instalação em 1966, que a CDL vem trabalhando em prol do crescimento de Campina Grande, mas “hoje tem o comércio prejudicado com a falta de medidas concretas para garantir a paz e tranquilidade. Mas não é apenas a sede do Município vítima da violência desenfreada, porém os sítios, distritos e para Campina Grande como um todo que está sofrendo com a violência, com a falta de ação da máquina governamental”.

Omissão

Márcio disse que “é patente a omissão do governador Ricardo Coutinho com relação à segurança pública, apesar dos esforços dos policiais civis e militares, que atuam sem as devidas condições, exatamente pela falta de apoio dos que estão no Palácio da Redenção, que não se preocupam com a questão”.

Acentua que, a segurança pública é obrigação do Estado, mas “não vemos ação por parte dos inquilinos do Palácio da Redenção que estão muito bem protegidos ao contrário da população, jogada ao abandono, com a onda de roubos, assaltos, homicídios, etc. que está castigando a sociedade.”

A reclamação é da própria sociedade, inclusive o Sindicato Rural e outras entidades reivindicam esse benefício o mais rápido possível, contra a onda de violência registrada na região, concluiu.

***Conteúdo de responsabilidade da Assessoria




Fale Conosco

Para que possamos lhe atender melhor por favor entre com as informações abaixo. Obrigado!

Perguntas, dúvidas, críticas ou sugestões? Eu adoraria ajudá-lo!

ENTER para enviar